Biografia de Hou Hsiao-Hsien *

Realizador taiwanês consagrado e premiado em diversos festivais ao redor do mundo, Hou Hsiao-Hsien se estabeleceu como figura- chave do novo cinema de Taiwan nas três últimas décadas.

Hou Hsiao-HsienNascido na China em 1947, mudou-se para o sul de Taiwan em 1948, onde passou toda a sua infância. Depois de completar o serviço militar em 1969, Hou decide estudar cinema na Academia Nacional de Artes de Taiwan, graduando-se em 1972 e fazendo os mais diversos bicos antes de trabalhar com cinema de fato. Foi assistente de direção de cineastas veteranos como Li Hsing e Lai Cheng-Ying. Posteriormente, formou parceria com o fotógrafo Chen Kun-Hou e passou a dirigir os próprios filmes.

Sua estreia como diretor aconteceu em 1980, com Menina bonita (Cute Girl / Jiu shi liuliu de ta). Com seu terceiro filme, A grama verde de casa (Green, Green Grass of Home / Zai na hepan qigcao qing, 1982), foi indicado ao Golden Horse Award, considerado o “Oscar taiwanês”. Desde então, o cineasta tem contribuído para a formação de uma nova consciência acerca do cinema em Taiwan.

Hou obteve reconhecimento internacional com Os Garotos de Fengkuei (The Boys from Fengkuei / Fenggui lai de ren, 1983) e Um verão na casa do vovô (A Summer at Grandpa’s / Dongdong de jiaqi, 1984), ambos vencedores do Festival dos 3 Continentes, em Nantes, França. Seu filme autobiográfico, Tempo de viver e tempo de morrer (A Time to Live, A Time to Die / Tongnian wangshi, 1985), levou o prêmio internacional da crítica no Festival de Berlim em 1985 e foi indicado a melhor filme no Festival de Roterdã. Hou continuou a fazer filmes aclamados pela crítica, como Poeira ao vento (Dust in the wind / Lianlian fengchen, 1986) e A filha do Nilo (Daughter of Nile / Niluohe nüer, 1987), e foi gradualmente reconhecido como um dos cineastas mais inovadores do mundo. Em 1989, seu Cidade das Tristezas (A City of Sadness / Beiqing chengshi) ganhou o cobiçado Leão de Ouro, no Festival de Veneza. Em 1993, a obra-prima O mestre das marionetes (The Puppetmaster / Ximeng Chengsheng) recebeu o prêmio do júri em Cannes. Seus filmes seguintes, Bons homens, boas mulheres (Good Men, Good Women / Haonan haonü, 1995), Adeus ao sul (Goodbye South, Goodbye / Zaijian, nanguo, zaijian, 1996), Flores de Xangai (Flowers of Shangai / Hai Shang Hua, 1998), Millennium Mambo (Qian xi man po, 2001), Café Lumière (Kôhî jikô, 2003), Três tempos (Three Times / Zui hao de shi guang, 2005) e A viagem do balão vermelho (Flight of the Red Balloon / Le Voyage du ballon rouge, 2007), foram aclamados por críticos e circularam por festivais como os de Cannes e de Veneza.

Como produtor, Hou tem ajudado a realizar clássicos como Taipei Story, de Edward Young, Lanternas vermelhas, de Zhang Yimou, Dust of Angels e Heartbreak Island, de Hsu Hsiao-Ming, A Borrowed Life, de Wu Nien-Jen, e Treasure Island, de Chen Kuo-Fu. Hou também é o protagonista de Taipei Story.

* Texto cedido por 3H Productions. Tradução cedida pela produção.




TOPO

Realização